11.10.05

A vida é bela


Nunca fui uma pessoa de me arriscar muito. Acho que a coisa mais radical que fiz na vida talvez tenha sido descer a Bordini de skate quando eu tinha 12 anos... Talvez também por isso nunca tenha estado cara-a-cara com a morte. Acho que o mais próximo disso foi quando abriram os portões do Jóquei Clube para o show do Kiss e eu era um dos primeiros da fila.
Ali temi pela minha vida...
Muitas pessoas só dão valor à vida quando estão prestes a perdê-la.
Isso é uma verdade.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...