15.8.06

Premonição (pra matar secador)

Final da Libertadores.
Inter na pressão desde o começo de jogo.
Domínio total das ações no meio de campo.
São Paulo acuado.
Jogo chegando ao final da primeira etapa.
Bola levantada na área, Fernandão sobe de cabeça e faz Inter 1 a 0.
Loucura no Beira Rio!
Começo da etapa final.
Muricy muda o esquema tático da equipe colocando mais um atacante.
Logo aos 10 minutos, confusão dentro da área colorada e Souza empata o jogo.
1 a 1.
O tempo vai passando.
São Paulo tenta uma pressão, mas pára na defesa do Inter.
Os donos da casa levam perigo nos contra-ataques e quase marcam o segundo.
Sóbis chuta na trave.
45 da segunda etapa.
Centenas de pessoas ao lado do campo pedem o final do jogo.
Abel Braga quase invade o gramado.
Os reservas escondem as bolas auxiliares.
47 minutos.
O juiz deu três de desconto.
Escanteio para o São Paulo.
Desespero nas arquibancadas.
Rogério Ceni deixa sua área e vai tentar o cabeceio na área colorada.
Bola cruzada na marca do pênalti.
Lugano mete a cabeça.
A bola bate em Bolívar, sobre a linha.
No rebote, Rogério Ceni chuta para o fundo das redes.
Gol do São Paulo.
Inacreditável!

Inter campeão na decisão por pênaltis.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...