5.9.06

O poder de um pentelho

Não sou muito de dar papo para motorista de táxi, mas, não sei porque, minha separação acabou sendo o tema principal daquela corrida:
- Pois o senhor sabe que eu também to enrolado com a minha patroa...
- Hum...
- Não sei se é o caso do senhor, mas eu aprontei.
- Hum...
- Conheci uma neguinha mais novinha. Bonita. E me apaixonei. O senhor já tem outra mulher?
- Não.

Pausa.

- É bom, né? O senhor não acha?
- O que?
- Mulher.
- Depende...
- O senhor não sabe a força que tem um pentelho de buceta. Se amarrar na frente de um trem, é capaz de puxar um comboio.

Pausa.

- Prefiro as depiladas.
- Como disse, senhor?
- Nada, nada. Vou descer ali na esquina. Pode parar atrás daquele carro.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...