31.1.07

Luiz Nei e o pincel

Oito horas da manhã.
Luiz Nei, em chamas, anda de um lado a outro do apartamento com a cara cheia de Bozzano.
Não demora pra passar lá no quarto:
- Viu meu pincel de barba?
- Não. Não peguei.
- Como não? Fiz a barba com ele ontem de manhã e só tem tu em casa. De que jeito ele vai sumir sozinho?
- Aposto que foi a mulher que limpa. Ela sempre guarda minhas coisas em lugares onde eu não acho (feio botar a culpa nos outros sem saber).
Mesmo não usando pincel de barba, me lembrei que tinha um em algum lugar do armário do meu quarto.
Passei a procurar enquanto Luiz Nei discursava no corredor.
Mexe daqui, mexe dali, consegui achar no fundo de uma gaveta.
Com o ar triunfal, entrei no banheiro com o pincel na mão.
Nisso, Luiz Nei já está terminando de fazer a barba.
- Porra. Achou e nem me avisou. Onde tava?
- Aqui dentro da pia.

Senil.
Completamente.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...