1.5.07

Dia do Trabalho


Passei o feriado de 1º de maio com as crianças.
Insistiram tanto para irem ao parque que não tive como negar.
Optei pelo Zapt Zupt ali do Parque Farroupilha.
Só um problema:
Metade de Porto Alegre estava no Parque Farroupilha (a outra metade estava na missa do Padre Marcelo Rossi no anfiteatro Pôr do Sol).
Desta metade, dois quartos estavam no Zapt Zupt.
Ficamos ali mais ou menos umas duas horas.
Levando em conta que um brinquedo do tipo de uma roda-gigante dura 3 minutos girando, ficamos 24 minutos nos divertindo e uma hora e 36 minutos em filas.
Isso sem falar nos gastos extras, porém já incluídos antecipadamente na lista das despesas: churros, algodão doce, refri e aquele maldito brinquedinho que um palhaço sem nenhum dente na boca vem te empurrar usando a ingenuidade das indefesas crianças.
Normalmente quando a Duda ou o Mártin gritam:
- Pai! Olha lá o palhaço!
Eu logo puxo eles pelas mãos dizendo:
- Vamos fugir! Esse palhaço quer roubar o dinheiro do pai!
Normalmente dá certo.
Mas desta vez ele usou de um truque sujo.
Me abordou no momento em que eu lavava as crianças no bebedor.
Não tive para onde fugir.
Mas não tem problema.
Tudo é festa.
Terminei o feriado R$ 50,00 mais pobre, porém feliz.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...