25.7.07

Cinema Nacional

No banheiro à noite, dando aquela aliviada, sem muito que fazer.
Tratei de dar uma olhada nos filmes pra TV a cabo no segundo caderno da Zero Hora.
Só os filmes dos canais 61 e 66 já que ainda não troquei minha NET pra digital.
Aliás, a pessoa que deveria fazer isso deve estar no Caribe (piada sutil).
Vocês não acreditam como isso pode ser divertido.
Pesquisando a lista de filmes do Canal Brasil, me deparo com uma pérola do cinema nacional.
Oh! Rebuceteio.
Já viu um nome mais lindo para um filme do que esse?
Provavelmente um tema relacionado ao amor. Com muito romantismo.
Pena que passava às 2h da manhã.
- Pri, vamos ver Oh! Rebuceteio?
- Ver o que?
- Oh!Rebuceteio
- Vamos!
Que mentirosa.
Depois do vôlei já tava roncando e babando.
Pois é.
Realmente era muito tarde.
Tentei ficar acordado, mas o sono foi me vencendo.
Cheguei a levantar a possibilidade de procurar o filme na locadora.
Seria interessante entrar na Blockbuster:
- Moça, a senhora tem Oh! Rebuceteio aí?
Prefiro nem imaginar a resposta.
Bom, acabei pegando no sono sem conseguir assistir esta obra prima do cinema nacional.

Minha única esperança é que o meu cinéfilo amigo Daniel possa publicar no blog dele a tradicional sinopse desta obra.
Aposto que é melhor que Transformers

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...