14.4.08

Acordando às 7h


Uma das piores coisas da vida é acordar cedo.
Desde pequeno, nunca me habituei.
Consigo me lembrar exatamente daquela sensação do final do domingo chegando, o Fantástico terminando, e eu tendo que acordar na segunda às 6h45 para ir ao colégio.
Traumático.
Acordar cedo afeta meu humor.
Com o passar dos anos, com as possibilidades se apresentando, fui tendo a chance de escolher o horário em que quero acordar.
Desde que comecei a trabalhar no Grêmio nunca entrei antes das 9h.
A não ser o período em que tinha que levar a Maria Eduarda ao colégio.
Ela entrava às 7h30.
Imaginem só o horário em que eu tinha que levantar.
E posso garantir que era horrível.
Durante este primeiro ano de convivência com Priscila, tivemos a sorte de coincidir os horários: a Pri ficava no trabalho às 8h45 e eu chegava às 9h no Grêmio.
Pelo menos até a última sexta-feira.
Com o trabalho novo, Priscila passou a chegar às 8h30.
Isto me obriga a acordar pelo menos uma hora antes.
Lá pelas 7h da madrugada.
Mas ou contrário do que vocês possam imaginar, não estou chateado.
Muito pelo contrário.
Neste trabalho novo, Priscila irá ganhar mais do que eu.
Vai poder me sustentar e realizar todos os meus caprichos.
Desse jeito fica justo.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...