15.6.08

Eu amo Goiânia, Goiânia me ama!



Não poderia ter sido melhor!
Ao contrário do que todos imaginavam, o Grêmio conseguiu quebrar o tabu de não vencer no Estádio Serra Dourada desde 1996.
E venceu com autoridade.
Goiás não teve chance.
E, ao contrário do que todos imaginavam, Márcio Neves "Pé-quente" venceu uma partida fora de Porto Alegre.
Foi um alívio, confesso.
Nem o fato de eu ter estado em Medellin em 1995 e ter trazido o título da Libertadores era suficiente para os corneteiros de plantão.
Não. Não vou citar nomes.



A viagem para Goiânia foi excelente.
Me surpreendi.
A cidade é muito bonita.
Tem muito mais do que apenas Césio 137 e duplas sertanejas.
É uma cidade nova, bonita, arborizada.
Maravilhosa para se morar, mas sem atrativos para os turistas.
Com apenas um dia e gastando R$ 50,00 de táxi pode-se conhecer tudo.



Minha expectativa era mesmo conhecer o Estádio Serra Dourada.
Na sexta, conforme esperado, conheci o Estádio Antônio Accioly, do Atlético Goianense (foto acima com o Luciano Rolla).
Pequeno, mas bonitinho.
Acompanhamos o treino do Grêmio.



Na manhã de sábado, um encontro inesquecível com Baltazar (foto acima).
Baltazar Maria de Moraes Junior, o "Artilheiro de Deus".
Para quem não se liga em futebol, nada mais nada menos do que o autor do gol do título brasileiro de 1981, contra o São Paulo, em pleno Morumbi.
Um rapaz religioso e extremamente agradável de se conversar.
Foi muito bom recordar aquela época onde o Grêmio surgia para o Brasil como um grande clube de futebol.



Depois do Baltazar, ainda deu tempo para conhecer o coronel Tuchenko.
O simpático gorducho da propaganda da NET que estava no nosso hotel e desfilou pelo saguão protegido por dezenas de seguranças para delírio dos hóspedes.




A chegada ao Serra Dourada foi apoteótica.
O estádio é realmente lindo e fica numa área nobre da cidade.
Chegamos cedo.
Suficiente para deixarmos tudo preparado para o início da transmissão pela Grêmio Rádio.
Tudo preparado, era hora dos personagens principais corresponderem às expectativas.
E foi uma maravilha!
Grande vitória por 3 a 0 e a certeza de um final de viagem tranqüilo.



Acordei cedo no domingo e peguei um táxi para conhecer o estádio do Vila Nova.
Cheguei na hora certa: o time treinava e consegui fazer boas fotos (acima).
Mais um estádio pra minha lista.



Saindo de lá, decidi passar numa tal Feira Hippie, na Praça do Trabalhador.
Estilo brique.
A verdadeira visão do inferno.
Uma multidão se acotovelando entre milhares de bancas de camelôs cobertas por lonas azuis.
Bem como mostra a foto aí de cima.
Não achei o que eu queria. Uma lembrança da cidade.
Alguma coisa característica.
Acredito que por ser uma cidade nova, Goiânia tem esse problema.
Não possui uma identidade própria.
Qualquer coisa que a identifique e a difira das demais.
Talvez um tal de pequi: uma fruta típica da região que eu comi com arroz (é horrível!).
Tem também a pamonha que comi no café da manhã.
Mas essa tem em qualquer lugar.
Bom, ainda assim, vale conhecer.
Nem que seja por um dia e com R$ 50,00 no bolso.



Se tudo der certo, próxima viagem será Belo Horizonte.
Grêmio x Cruzeiro no Mineirão.
Até lá!

3 comentários:

Anônimo disse...

meu caro amigo vc precisa vir a goiania mais vezes...
o titulo do seu artigo fala q vc ama goiania mas nofinal vc faz um comentario tosco desses vc nao ama goiania e muito menos ela te ama snao é goiania q nao tm identidade e vc q nao tem cultura o suficiente para percebe-la...
vc veio pensando q ia encontrar uma cidadesinha pacata e encontrou algo maior e nao consegue definir falta sabedoria e cultura!!!!

Anônimo disse...

o amigo do comentario anterior definiu vc muito bem sem sabedoria e cultura da regiao vc foi muito infeliz no seu comentario sobre goiania cidade maravilhosa. e olha que eu nao sou daqui sou de outra regiao mais vivo em goiania cidade MARAVILHOSA. reveja seus conceitos antes de expo-lo ao publico

Anônimo disse...

o amigo do comentario anterior definiu vc muito bem sem sabedoria e cultura da regiao vc foi muito infeliz no seu comentario sobre goiania cidade maravilhosa. e olha que eu nao sou daqui sou de outra regiao mais vivo em goiania cidade MARAVILHOSA. reveja seus conceitos antes de expo-lo ao publico

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...