31.7.08

Piada anual

Hoje é o Dia Mundial do Orgasmo...
Mas é amanhã que entra agosto.

30.7.08

Data importante

Amanhã é o Dia Mundial do Orgasmo.

Só pra constar.

29.7.08

25 anos da Libertadores



César



Tita



Odair e Leandro

26.7.08

Os 7 a 1 vistos por outro ângulo

Scraps retirados da comunidade oficial do Figueirense no Orkut durante o segundo tempo da partida contra o Grêmio.

INTERVALO DE JOGO - Grêmio 2 a 1

Bethina
essas bichas vieram achando q o jogo tava ganho...
acredito sim numa virada (uma grande virada) ;P
VAMO, FIGUEIRAAA

Natália
ta pra virar sim, figueira ja ta se achando no jogo :D

° eu sou o jef
simbora virar!!!
VAMO FIGUEIRA!


Grêmio 3 a 1

Alexandre
porra, esse corno do juíz só marca falta nossa, se fudê

Felipe
gol do gaymio ¬¬''

«☺MaThEuuS Ø«
Ainda acredito, 4 x 3 Figueiraaa

Grêmio 4 a 1

Piticoh
FILHA DA PUUUUUTA
PEREA DESGRAMAAADO

Lucas
AFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFF
PAREI DE OUVIR AGORA.

Kelvin
Aqui também caiu o MSN ¬¬
AFF gol do gaymio

Bethina
Virada? Empate... só se o perea quebrar a perna
vou te dizer, hein

Natália
meeeeeeu deus, SOCORRO né

Grêmio 5 A 1

Piticoh
FILHA DA PUUUUUUUUUUUUUUUUUTA
5X1
CARAAALHO
:@

Kelvin
AFF ¬¬
Caralho que vergonha 5 ¬¬

Géssica
Jeeeeeeeeeesus :X

Bethina
ja ta 5? q merda, ate perdi as contas

' Biia
o msn fico pasmo com a situação e fez greve :S

[F.F.C.] Bruno
nem por milagre agora
¬¬

Pedro Henrique
filha duma puta...
eu esperava um jogo dificil, mas nao desse jeito....

BIELS_FIG
vamo vira porra 6x5 caralhoooooooooooooo
5 gols do WILSON

Lucas
calma, calma...
calma gente vai ser igual a primeira rodada 5x5

Grêmio 6 A 1

Piticoh
Caaaaracas
DEFESA RUIM É POCO
E O ATAQUE DO GREMIO É UMA BELEZA

Aryєl Fqтz ՏՁ
;O
6x1 ?
vai toma nu cu

Biia
éééééé 6x1
meeu deus, não tem nem o que comentar.

Lucas
casa cheia, em casa, essa vergonha!
CHEGA DE BRINCADEIRA, HONRA A CAMISA DO FIGUEIRA.

Jorge
Tas eh loko
6 ?
ta de brincadera neh....

Eduarda
Tomara que fique no 6, por que 7 ai avacalha com a gente né!

Grêmio 7 a 1

Filipe
caraaaaaaalho
7x1 daqui a pouco é basquete porra

Piticoh
caaaaaaaaaaaaaaaaralhooooooooooooooooo
7X1 FILHA DA PUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUTA
VAO SE FUDER
VO CHORAR

° eu sou o jef
=/
O Grêmio vai ser campeão por causa do saldo de gols... vcs vao ver soh...

Paulo
acaba logo porra, acaba
pqp...somo sofredor mesmo
eh foda

Felipe
o figuera nao consegue fazer nem 2 ¬¬

Beatriz
se chegar a 10 eu me enforco ¬¬'

Nathali
O FIGUEIRENSE NAO É TAO RUIM ASSIM PORRA

Felipe
ainda bem que eu nao fui no jogo..

BIELS_FIG
TA ME FALA AI EH FUTSAL OU FUTEBOL ???

Filipe
2 vira 10 ganha

Géssica
eu sei que o mundo nao vai acabar
OHAOHAEHAUIEHAUEHAUIHEIUHEU :x
mas é triste :~

Vanessa
o figueirense jogo hoje? aonde? eu nao vi.. so vi um time pior que meninas jogando futebol na educaçao fisica :S

Bethina
PESADELOOOOO

FINAL DE JOGO

Felipe
aleluia acabou
pensei que ia ser 10
¬¬

Aryєl Fqтz ՏՁ
na moral nem vo perde tempo aki...
7x1 vergonha nacional ;/

Maikon
44:30..
fim de jogooo
vergonhaa.. juiz ficou com dó do figuera

Aryєl Fqтz ՏՁ
eu e meu time jogamos na areia...
ganhamos de 7x2...
nem pra faze 2 o figueirense serviu ;/

25.7.08

Será que é tudo isso mesmo?

Conhece aquela frase: "Coma merda. Milhões de moscas não podem estar erradas."?
Pois é.
Prometo analisar com mais carinho meu CD do Jorge Drexler.

Saiu o novo DVD do Inter


24.7.08

Tico na gaiola

Priscila tem o sonho de ter um filho.
Ontem tomamos uma decisão importante em nossas vidas:
Vamos comprar um passarinho.
Isso mesmo. Daqueles que avuam e cantam.
Bom, na verdade o que queremos não avua.
Fica na gaiola.
Mas tem que cantar.
Tipo um canário.
Tive um canário quando era pequeno.
Ele morreu torrado dentro do carro quando deixamos a gaiola trancada no estacionamento de um restaurante na volta da praia.
Me traumatizou.
Até tivemos outro pássaro já quando eu era mais velho, mas nosso gato decidiu almoçá-lo um dia desses.
Nosso apartamento tem tudo pra ter um passarinho: duas grandes áreas abertas.
Já escolhi até o lugar onde colocar a gaiola.
Priscila quer escolher o nome: disse que vai se chamar “Tico”.
Tudo porque todos os passarinhos que ela teve na vida se chamaram “Tico”.
E não importa que “Tico” aqui no sul signifique outra coisa.
Fico até imaginando a Maria Eduarda chegando na casa da mãe dela e mantendo esse diálogo:
- Mãe! Tu tens que ver o Tico do pai.
- O que é isso, Duda?! Que tico??
- Ué? O passarinho do pai.
Isso não vai dar certo.
Bom, o nome ainda é motivo de discussão.
A certeza é que, em breve, estaremos adquirindo a ave.
Aliás, gostaria de alguma sugestão de onde podemos comprar um canário.
Alguém conhece um lugar especializado?
Prometo que mostro o tico pra quem me informar.

19.7.08

Me caiu os butiá do bolso

Elevador do Shopping Bourbon Country.
Escuto atentamente a Maria Eduarda contar as novidades da escola.
Diz ela:
- Tu nem sabe, pai! Lá na escola eles criaram um mural de recados.
- Mesmo, Duda? E como é?
- Os meninos da manhã escrevem recados para os meninos da tarde.
- Legal.
- Tu nem sabe qual recado que deixaram pro Henrique, meu colega. Quase morri de rir.
- Qual foi?
- “Gordo trouxa, meu pau nas tuas coxas”, não é engraçado, pai?
Levei alguns segundos até assimilar.
Sei que deveria dizer alguma coisa educativa e repreensiva, mas não me veio nada na hora.
- É. Bem engraçado, Duda. E vocês escreveram alguma resposta?
- Aham. Escrevemos.

Juro que não perguntei o que.

16.7.08

Você conhece a Costa Rica?

Nunca imaginei um dia conhecer a Costa Rica.
Aliás, acredito que nenhuma pessoa normal no planeta tenha o sonho de conhecer a Costa Rica.
Por acaso você sabe o que tem pra fazer na Costa Rica?
Pois é. Nada.
Nada diferente do que podemos encontrar aqui no Brasil.
Tem praias bonitas?
Sim. Tem.
Mas no nordeste também tem.
Bom, tem vulcão. Tá certo.
Mas ninguém vai até a Costa Rica para ver vulcão.
A menos que seja um vulcanólogo.
Que vá ao Chile que é mais perto.
Uma pessoa pode até acabar conhecendo a Costa Rica assim meio que sem querer.
Como aconteceu comigo.
Final da década de 80, passava os dias me divertindo trocando correspondências com pessoas do mundo todo falando sobre futebol.
Funcionava mais ou menos assim: eu mandava pelo correio revistas de futebol do Brasil e recebia de volta revistas de outros países.
Mandava camiseta do Grêmio e recebia de volta camisetas de outros países.
Foi assim que acabei montando uma coleção invejável de tudo que dissesse respeito ao futebol.
Uma destas pessoas era o Giovanny Ruiz, que morava em San Jose, Capital da Costa Rica. Ainda sem internet, trocávamos dezenas de cartas por mês.
A seleção da Costa Rica havia obtido classificação para o Mundial da Itália de 1990 e o futebol era a coqueluche do momento no país.
Já havia recebido todo o tipo de material dos times locais e da seleção.
Nossa comunicação estava tão estreita que um dia resolvi telefonar pro cara.
Papo vai, papo vem e ele me perguntou:
- Não queres vir passar uns tempos aqui?
Pra que?
Menos de um mês depois, lá estava eu, num avião da Varig com escala em Quito e Guayaquil, rumo a San Jose.
Não tinha a mínima idéia do que iria encontrar.
Nem mesmo o meu amigo. Nunca havíamos trocado fotos.
A combinação era ele me esperar no aeroporto vestindo a camisa brasileira enquanto eu desembarcaria vestindo as cores costa-riquenhas.
E assim foi.
Posso dizer que passei dias inesquecíveis e conheci pessoas incríveis neste pequeno país centro-americano.
Uma cultura diferente, onde se come feijão doce no café da manhã e abacate salgado na salada.
Um país alegre e pacífico onde não existem exército ou forças armadas.
Onde a população é fanática pela seleção nacional muito mais do que pelos clubes.
Onde você pode escolher se vai tomar banho nas praias do Pacífico ou do Caribe e se cruza o país em pouco mais de 3 horas de carro.
Felizmente, a internet possibilitou que, anos depois, eu reencontrasse meu amigo Giovanny Ruiz.
Hoje casado e com uma filha pequena.
Conversamos sempre que possível pelo MSN.
Relembramos com carinho aqueles 30 dias em que estive hospedado em sua casa.
Espero um dia poder retribuir tanto carinho recebendo sua visita aqui em Porto Alegre.
Lá se vão 18 anos.
Costa Rica deve ter mudado bastante.
Passou por um forte terremoto (motivo pelo qual quase não existem prédios por lá).
Mas se reergueu.
Se modernizou.
Cresceu.
E, se hoje em dia você pensar em visitar a Costa Rica, só tenho uma coisa a dizer:
Escolha Recife.

(Des)virtua

Estávamos tendo problema com a internet aqui do Grêmio.
Não que ela não funcionasse.
O problema era nossa quantidade de arquivos salvos na rede que acabava por causar uma lentidão em todos os setores do Clube.
Compramos um novo computador exclusivo para a assessoria de imprensa, com espaço absurdo para armazenamento, que passou a ser nosso servidor e contratamos o serviço Virtua, da NET.
Isso já faz mais ou menos um mês.
Neste período, nossa internet tem desconectado volta e meia sem trazer muitos problemas para o desenvolvimento das atividades diárias.
Mas tudo isso foi por água abaixo hoje pela manhã.
Cheguei por volta das 8h para adiantar alguns trabalhos acumulados.
Às 8h30 a internet caiu e não voltou mais.
Após uma análise mais aprofundada do pessoal da informática, foi concluído que o problema era da NET.
E quem disse que se consegue fazer contato com a NET?
Não pelo caminho normal.
Tivemos que acionar nossos superiores influentes para que contatassem direto com algum alto escalão (Não. Não posso fornecer nome nem número).
Contato feito, resta esperar.
Já são 12h45 e nada ainda.
Todo o Clube trabalha normalmente, menos a assessoria de imprensa que possui Virtua.
Agora a internet está assim: conecta 5 minutos e cai. Conecta mais 5 minutos e cai outra vez.
Não sei o que é pior.
Melhor mesmo serias ficar sem internet em definitivo.
Problema sem solução, solucionado está.
Agora, ficar no vai e vem, vai e vem...é pra fuder o cu do palhaço (como diz a minha digníssima esposa).
Ah! E antes que eu me esqueça:
- Skavurzka pra você também.

Só pra esclarecer: estou em outro computador, em outro setor do Clube. Só por isso pude fazer esse post.

15.7.08

Pança

Comentário da Priscila sobre a barriga do Ronaldo Nazário na foto ao lado:
- Nossa, Má! Tá maior que a tua.

Ainda não decidi se foi bom ou ruim.

14.7.08

Dinheiro pra dar e vender

Já teve muito dinheiro em suas mãos e não tinha como gastar?
Isso aconteceu apenas duas vezes na minha vida.
Não. Não estou reclamando.
Até porque nunca acontece para a maioria das pessoas.
Pois é.
A primeira vez foi em Punta del Este, no Uruguai.
Minha primeira vez neste balneário sul-americano.
Recebi uma quantia de dólares para passar uma semana.
No último dia, já prestes a ir embora, fiz a burrada de trocar todos os dólares que me haviam sobrado por pesos uruguaios.
Poucas horas para seguir ao aeroporto e minha carteira estava forrada de cédulas que, provavelmente na próxima vez que voltasse ao Uruguai, já não valeriam absolutamente nada.
O que fazer com tanto dinheiro?
E pior: sem muito tempo para pensar no que gastá-lo.
Na corrida, entrei em algumas daquelas lojinhas de bugigangas na calle Gorlero e comprei o que apareceu pela frente.
Confesso que foi um momento muito difícil.
A segunda vez foi em Praga, República Tcheca.
Início da década de 90 e o Leste europeu recém abrindo as portas para o capitalismo.
Assim como fiz em países como Espanha, França, Suíça, Áustria e Alemanha, tratei de trocar 100 dólares em uma casa de câmbio logo ao desembarcar na estação de trem. A única diferença que imediatamente notei era a absurda desvalorização da moeda Tcheca: a coroa (ou Koruny).
Resumindo: os 100 dólares tradicionais me deixaram com uma quantidade gigantesca de coroas.
Era tanto dinheiro que decidi trocar a promiscuidade dos albergues por uma cama macia e quentinha em um dos melhores hotéis do país.
Passados os três dias que havia programado para conhecer a cidade, ainda me sobrou dinheiro para mais uma semana de República Tcheca.
Para não atrapalhar meu roteiro, tive que levar centenas de milhares de coroas de volta na mochila.
Bons tempos aqueles.

Quem dera poder passar por esta situação outra vez.
Só mais uma.

9.7.08

Pretty Woman

Priscila sentada no sofá da sala vendo novela.
Eu na cozinha lavando a louça (vejam a inversão dos papéis).
Percebo que ela resmunga alguma coisa e pergunto.
- O que foi que tu disse?
- Eu disse que a Deborah Secco tá pelada na novela.
Silêncio.
Continuo lavando a louça.
Senti a inquietação dela.
- Ouviu o que eu disse?
- Ouvi.
- Não vem ver?
- Não.

Já tenho experiência suficiente para saber quando estou sendo testado.

*****

Supermercado Carrefour.
Quase 22h de segunda-feira.
Priscila saracoteia pelos corredores, mais feliz que mosquito em perna de tetraplégico.
Me arrastando, acompanho o trajeto empurrando o carrinho semi-cheio.
Bocejo.
Percebo que ela se detém em frente a uma prateleira.
Pega um produto.
Observa com atenção.
Lê o rótulo.
Coloca de volta.
Pega outro.
Não é aquele.
Coloca de volta.
Pega outro mais abaixo.
Lê o rótulo.
Confere o preço.
Pega outro.
Coça o queixo.
Segura dois na mão enquanto observa os outros.
Devolve os dois.
Pega um dos outros.
Lê o rótulo.
Já se vão 10 minutos.
Tento manter a serenidade.
Ela repete mais uma vez o processo.
E mais uma só pra conferir.
Quase à beira de um colapso, comento com delicadeza:
- Pri, puramordedeus, pega qualquer um. Todos os sacos de lixo são iguais.

Imaginem como foi pra escolher o absorvente.

3.7.08

Maracanazo

O que se viu ontem, no Maracanã, foi uma das maiores tragédias do futebol brasileiro. Nem mesmo o tricolor Nelson Rodrigues seria capaz de traduzir em palavras tamanho drama, coberto com requintes de crueldade.
A famosa final da Copa do Mundo de 1950 não chega nem aos pés do jogo de ontem entre Fluminense e LDU.
O Maior Estádio do Mundo selou sua sina de ser um palco de tristeza e lamentações.
Não tenho nenhum laço emocional com o Fluminense, muito pelo contrário: no Rio de Janeiro, sempre simpatizei com o Vasco.
Porém, confesso que fiquei sensibilizado com tamanha dor e sofrimento.
Mas passou.
Antes eles do que eu.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...