29.9.08

Duda e Mártin na Geral


Peguei as crianças no sábado pela manhã e fomos direto para o treino do Grêmio, no Olímpico, na véspera do Gre-Nal.
Elas gostaram bastante da idéia.
Sempre procuro incutir o Grêmio na cabecinha deles.
Aproximadamente 5 mil torcedores estavam acompanhando o treinamento.
Fui com elas até o meio da Geral.
Muito papel picado, muitos cânticos, muitos bumbos.
Acredito que divertido para crianças.
Isso sem falar nos palavrões.
Cada um que era mencionado pela torcida, a Duda me olhava pra ver minha reação.
Eu ria e colocava a mão na boca num gesto de desaprovação.
Foi então que alguns torcedores decidiram colocar fogo numa bandeira do Inter.
E os dois com os olhos arregalados, observando tudo.
Muito fogo, muita fumaça e a bandeira vermelha se despedaçando.
Acredito que divertido para crianças.
Por volta do meio-dia, chegamos na casa de Luiz Nei e Juçá.
Foi abrir a porta e os dois entrar correndo falando ao mesmo tempo sobre a nova experiência vivida pela manhã.
Mártin, 4 anos e meio, tomou a palavra:
- Vó! Tu nem sabe! Eles pegaram uma bandeira do Inter e colocaram fogo!
- Que horror, Mártin! Isso não se faz. - Respondeu Juçá:
E o Mártin colocando as mãos na cintura, indignado.
- Mas, vó: era uma bandeira do INTER.
Cheia de argumentos politicamente corretos, Juçá tentou explicar os malefícios de tal ato.
Tive que interferir:
- Não adianta mais, Juçá. Eu já ensinei como funciona o Gre-Nal.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...