30.9.08

Reflexão sobre a vida

Ontem fui ao enterro do Tovar.
Pai do meu grande irmão Marcelo.
Neste momento de muita dor que paramos para refletir sobre a vida.
Ou sobre a fragilidade dela.
Num momento estamos aqui e, de repente, já não estamos mais.
Numa noite jantamos com a família e na outra desaparecemos para sempre.
A cada dia que passa, nosso ritmo de vida se torna mais acelerado.
Não temos tempo pra parar.
Pensamos apenas no amanhã e esquecemos o hoje.
Sei que esse papinho soa um tanto piegas, até porque todo mundo fala, mas ninguém coloca em prática.
Não porque não querem, mas porque não podem.
Porque têm compromisso.
Porque têm médico.
Porque têm reunião.
Porque temos ambição.
Ambição de poder, de sucesso, de dinheiro.
Às vezes é preciso uma paulada dessas para darmos conta.
Para abrirmos os olhos.
Abrir os olhos pra vida.
Essa vida que está passando e que não estamos vendo.
E quando formos ver, ela já se foi.
Por isso, aproveite a vida.
Aproveite a companhia das pessoas que você ama.
Mesmo que estejam longe.
Ligue. Mande um e-mail. Diga o quanto elas são importante pra você.
Já.
Amanhã pode ser tarde.

Muita força pro meu irmão Marcelo e pra família dele.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...