22.11.10

O pacto

A data é 26 de novembro de 2005.
O local é o vestiário abafado e impregnado com cheiro forte de tinta do estádio dos Aflitos, em Recife.
Tranquilamente a temperatura beira os 50 graus.
Um verdadeiro inferno.
Nosso personagem está sentado em um canto, sobre um banco vermelho de madeira.
Está empapado em suor.
Mãos na cabeça.
Olhos fixos no chão.
Coração acelerado.
Busca lá no fundo do peito um pouco de oxigênio.
Luta para não deixar o desespero tomar conta.
Não era pra menos. Minutos antes, o juiz havia marcado o segundo pênalti contra o Grêmio e expulsado três jogadores.
O Náutico estava prestes a fazer o gol da vitória.
Todo o trabalho de um ano estava caindo pelo ralo.
Era apenas isso que passava pela cabeça.
Tanto trabalho, tanta luta, tanta dedicação.
Tudo indo por água abaixo.
Não era justo.
Pensava na família, nos amigos, na torcida gremista que estava em Porto Alegre e que sonhava com a volta à elite do futebol brasileiro.
Ele havia assumido o risco e estava falhando.
Com as lágrimas misturadas ao suor que escorria pelo rosto, ele pediu ajuda.
Faria qualquer coisa para que aquilo tudo terminasse diferente.
Ainda com a cabeça baixa, sentiu a presença de alguém ao seu lado.
Lentamente, voltou-se para sua esquerda se deparando com aquela figura bizarra.
Assustado, perguntou:

- Quem é você?

- Não imposta quem eu sou. O que importa é que estou aqui para te ajudar. Vim propor um pacto.

- Pacto? Que pacto?

- Você sabe que eu tenho poder de fazer o seu goleiro pegar esse pênalti. Muito mais que isso. Tenho poder de fazer seu time chegar à vitória.

- Você está louco! Isso é impossível! Estamos com sete jogadores em campo, não percebeu?

- Aceite a minha oferta e você verá.

- Lógico que aceito. Não tenho outra opção. Qual é o pacto?

- O Grêmio não perderá esse jogo. Seu goleiro defenderá o pênalti e vocês vão fazer 1 a 0 mesmo com sete jogadores. Serão os campeões e retornarão à elite do futebol brasileiro. Além disso, em menos de dois anos, estarão de volta em uma final de Copa Libertadores. Não vão vencer, mas estarão lá.

Incrédulo, nosso personagem escuta a proposta.

- Eu aceito. Eu aceito. O que tenho que fazer? Se tiver que vender a minha alma, eu vendo.

- Você não tem que fazer nada. O que vai acontecer é que, num período de cinco anos, seu maior adversário irá igualar suas conquistas.

- Como assim?

- É isso que você ouviu: em cinco anos, seu maior adversário vai ganhar tudo que vocês ganharam até hoje. Inclusive aquele título.

Atordoado e sem condições de raciocinar, nosso personagem ainda teve tempo de perguntar:

- E depois destes cinco anos tudo volta ao normal?

- Sim. Depois destes cinco anos, tudo estará em suas mãos outra vez. É pegar ou largar. Topa?


Faltam quatro dias para o pacto chegar ao fim.

24 comentários:

Anônimo disse...

Que textiho babaca, tão tudo cagado que esses 5 anos sejam o resto da vida, quá quá quá!

Jair disse...

Acredito, sim, nessa lenda. E espero que o Saci nunca mais apareça em vestiário gremista. Abração. Parabéns pelo texto.

Márcio disse...

Obrigado Jair! Grande abraço.
Abraço tb ao "Anônimo" pela audiência.

Carolina disse...

Mto bom! Adoreii!!

Faltam quatro dias...

Anônimo disse...

Muito loco. Um dos melhores que já li... Parabéns.

Simbad Gremistao

Márcio disse...

Obrigado Carolina e obrigado Simbad! Apareçam sempre por aqui. Valeu a força!

Pri Tescaro disse...

Fantástico, como sempre!
Além disso, é bom incomodar os inimigos, pois se deixam comentários é sinal que passam aqui pra ler teus textos. E, se fazem isso, é porque se incomodam/importam com o que diz.

ADORO!!!

TAM

Guilherme Conte disse...

nossa. bem cabuloso esse texto.
me arrepiei lendo isso!

se for assim o inter não será bi-mndial. \o

Andrei disse...

márcio,
muito legal essa história!
ainda bem que esse pacto já vai acabar.
que bom que voltaste a escrever.
abraço

Juliana disse...

Hoje, um recomeço?

Eduardo disse...

É, mas eu sei de uma "lenda" que é bem pior que essa, diz que o então presidente do Grêmio cotatou um desses caras que fazem macumba pra fazer um acordo, se o Grêmio ganhasse a copa do Brasil o Grêmio teria que pagar 100mil reais pra ele, o Grêmio ganhou mas não pagou, então diz que esse macumbeiro foi em cadeia NACIONAL e disse o que aconteceu e disse que se o Grêmio não o pagasse não ganharia mais nenhum titulo de expressão e facilitar seria rebaixado, não considero Serie B titulo de expressão, e ele foi rebaixado. E pelo que eu sei ainda não deram jeito de matar o macumbeiro. Não me pegunte o porque ainda não tiveram essa ideia. Na duvida, paga, mata e pega o dinheiro de volta.

Caroline disse...

Adorei o texto

Leonardo disse...

Cara, eu te amo!!!

Douglas Dallago disse...

Ontem ao assistir o Kidiaba fechar o Gol, e o vexame internacional, feito por "eles", esse texto nao saia da minha cabeça. Chegou a hora a roda mudou.

Abraços

vinícius disse...

Esse texto tá vivo, hein?

Debora disse...

QUEEEE texto!!!! 2011 o rei d copas ta d volta... a LA q nos aguarde!!!!

xandelavarda disse...

Faço das palavras do Douglas as minhas! Vendo o jogo o e o Kidiaba fechando o gol o texto não saia da minha cabeça! Começa um novo ciclo para o Imortal! Ninguém nos segura a partir de agora...

Gabriel Coutinho disse...

Me arrepiei lendo o texto.
Quando findava a LA 2010, eu dizia: Comemore ao máximo! Tua era acabou!
Já é histórico e o pacto acaba de se cumprir.
Vem 2011, vem...coloca as coisas no lugar e tira do topo aquele que mereço o chão!

Soy Loco por TRI América!

BRUNO ROSA disse...

AI, AI, AI-AI! Tá chegando a horaaaa (8)
Vamos voltar a comandar o que sempre foi nosso!
E dá-lhe Grêmio!

Tatiana disse...

Adorei o texto, e acredito que só pode ser a unica explicação para os vermelhos terem deixado de ser interregional.
Bem, mas como acabou o pacto, a hegemonia tricolor está de volta.
VAMOS TRICOLOR!!!
Um abraço e parabéns pelo blog.

Márcio Neves disse...

Valeu, galera, pelos comentários. Show de bola, mesmo!

Anônimo disse...

PATO

Gabriel Alemão disse...

hauhauahuahuah
é pelo jeito não deu certo, ele esqueceu de por os ***** na proposta que fez! o COLORADO continua ganhando tudo e o gremio só gauchão e Top Of Mind! huahauhauahauha GREMIO A VERGONHA DO SUL

Edinho Spindola disse...

Hahah incrível !!! esse texto é demais mesmo. Lembro-me também que em 2010 qnd eu vi o resultado do jogo do inter, pensei a mesma coisa. Lembrei na hora desse teto. Incrível mesmo!!
Parabéens!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...